Imprensa

Rossi apresenta recorde de crescimento e rentabilidade e registra lucro líquido de R$ 109 milhões

Fonte: Revista Engenharia - SP

Publicado em: 17/08/2010

A Rossi, uma das principais incorporadoras e construtoras do Brasil, anuncia os resultados do segundo trimestre de 2010. No período, o lucro líquido da empresa mais do que dobrou e alcançou R$ 109 milhões, crescimento de 114% em relação ao segundo trimestre de 2009. As vendas contratadas somaram R$ 905 milhões, crescimento superior a 79%, se comparado ao mesmo período do ano passado.

Os lançamentos representaram um aumento de 152% ante o mesmo intervalo de 2009, registrando R$ 1,1 bilhão. Neste período, a empresa lançou 28 empreendimentos, somando 6.470 unidades, sendo 4.711 do segmento econômico. Se comparado ao primeiro semestre de 2009, o volume de lançamento foi 204% maior este ano, totalizando R$ 1,9 bilhão.

Entre abril e junho, o VSO (vendas sobre oferta) atingiu 26%, sexto trimestre consecutivo de crescimento. As vendas contratadas totais foram de R$ 905 milhões, número 79% superior ao registrado no mesmo período de 2009. “Registramos recordes consecutivos, em vendas contratadas e em lançamentos”, comemora o diretor superintendente da Rossi, Heitor Cantergiani.

A margem líquida de 16,8% apresentou variação positiva de 3 pontos percentuais em relação ao mesmo período de 2009. O EBITDA atingiu R$ 159 milhões, registrando crescimento expressivo de 77% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. Já a margem EBITDA registrou 24,5%, O ROE (Retorno sobre o Patrimônio) anualizado ajustado alcançou 24,4% no trimestre.

“Apresentamos boas margens e rentabilidade recorde. Isso é resultado dos investimentos em técnicas construtivas, expansão geográfica e eficiência administrativa”, explica o CFO e diretor de Relações com Investidores, Cassio Audi. O executivo ainda afirma que a empresa está pronta para se beneficiar do grande potencial de crescimento do mercado de construção civil.

Só no segundo trimestre de 2010, a Rossi Vendas, braço imobiliário da incorporadora, vendeu o total de R$ 374 milhões, representando 41% das vendas contratadas totais. Presente em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Campinas, Fortaleza, Brasília, Vitória, Campo Grande, Goiânia, Curitiba e Manaus, a Rossi Vendas continua expandindo geograficamente suas atividades em 2010. “Estamos prevendo a abertura de novos escritórios regionais em Belo Horizonte e Salvador”, afirma o diretor da Rossi Vendas, Klausner Monteiro.

Os resultados alcançados no período refletem o reconhecimento em relação aos produtos e aos diferenciais da Rossi. A atuação diversificada da empresa e sua maior eficiência têm gerado oportunidades para aproveitar a forte demanda em todos os nichos de mercado. No segmento econômico, a Rossi mantém sua estratégia de investir em produtos padronizados em larga escala, com o objetivo de reduzir o ciclo operacional e os custos.

Para ampliar ainda mais sua presença geográfica, a partir do início de 2010, a Rossi criou uma nova estrutura operacional. A empresa agrupou as equipes locais em 30 células, que estão atuando regionalmente sob um comando nacional. Hoje, a empresa já está em 78 cidades e irá expandir para 120 localidades até o final de 2011.

Corretor Online

Preencha nome e e-mail para iniciar um chat ao vivo com nossos corretores.

CRECI

Vídeo