Imprensa

Produtos do Plano Segmento Popular são inspirados em empreendimentos de sucesso

Publicado em: 12/06/2007

Acessibilidade aliada à beleza, conforto e segurança. São imóveis com essas características que o Plano Segmento Popular vai colocar à disposição da população em diversas cidades do país. Empreendimentos cujos conceitos são baseados em projetos de sucesso já construídos e concretizados no interior de São Paulo, como o Villa Flora e o Avalon Praças Residenciais.

Criado há oito anos na cidade de Sumaré, SP, a mini-cidade Villa Flora é um grande sucesso do mercado imobiliário. Inspirado nos princípios do Novo Urbanismo resgata a o bem viver encontrado apenas nos vilarejos, pequenas cidades, e comunidades construídas ao longo dos séculos, oferecendo aos moradores uma qualidade de vida superior à encontrada em empreendimentos convencionais.

Além da completa infra-estrutura, o bairro planejado conta, ainda, com edifícios públicos como centro ecumênico, centro comercial, praças e parques urbanizados. As ruas são mais largas que as tradicionais, o desenho urbano é feito de forma harmonizada e todas as residências ficam a 10 minutos a pé dos serviços e centro comercial. A comercialização dos imóveis é financiada pela Caixa Econômica Federal ou Banco Privado em até 240 meses , também, pela própria construtora em 120 meses.

No total, o Villa Flora tem 41 condomínios residenciais horizontais, com sete modelos de residências, que variam de 46m² à 137m². O empreendimento tem mais que o dobro da área verde exigida pela Lei Brasileira de Parcelamento do solo e preservação do meio ambiente. Duas áreas da antiga fazenda foram preservadas: a área dos lagos, com a mata, e a área da sede, onde está a praça da fazenda. Ao todo são 173 mil m² de área verde à disposição para recreação e integração dos moradores.

Praças Residenciais unem os moradores nos momentos de lazer

O uso de Praças Residenciais vem sendo adaptado pelos profissionais da construção civil para compor a paisagem e oferecer mais qualidade de vida aos moradores de empreendimentos fechados. Recentemente, a Rossi Residencial criou em Campinas, SP, em parceria com a GNO e a De Carvalho e Garcia, um condomínio fechado com essas características. O Avalon – Praças Residenciais trouxe edifícios de quatro andares, com elevador. Logo na entrada, um pórtico com arcos permite a nítida sensação de estar entrando num castelo privativo, de onde se vislumbra as residências dispostas em torno de lindas praças. O empreendimento é um sucesso de vendas e teve sua primeira fase vendida em apenas uma semana.

 As praças têm origem muito antiga, que datam do início da criação das cidades. Com o tempo, o desenvolvimento e o advento do automóvel, elas passaram a fazer contraponte com as ruas. Popularmente falando, elas se destinam aos pedestres e as ruas aos carros. No caso deste empreendimento, especificamente, as praças surgiram do desejo de construir espaços diferenciados, de escala urbana, evitando as situações encontradas em muitos conjuntos residenciais onde blocos e soluções de fachadas são repetidas à exaustão, rodeados por vagas de estacionamento.

 Em Avalon – Praças Residenciais as praças reforçam no nome o conceito do empreendimento: Cavaleiros e Trovadores, são algumas delas. O mais interessante é que as pessoas descobrem o empreendimento ao passar pelos pórticos e visualizar as praças, local onde elas poderão ter agradável convivência.

Corretor Online

Preencha nome e e-mail para iniciar um chat ao vivo com nossos corretores.

CRECI

Vídeo